Alguns no Domingo, Alguns no Sábado

Quando damos espaço para duvidar de algum assunto, então haverá dúvida. Muitos cristãos se perguntam por que a Igreja se reúne a adorar no domingo e não no sábado.

Um dos argumentos utilizados para se reunir no sábado e não no domingo, é que em inglês, a palavra “Sunday” significa “dia do sol”, e refere-se à adoração do deus do sol. Porém, a palavra “Saturday” (sábado) significa “dia de Saturno”, e refere-se à adoração de Saturno como um deus. É arriscado, pelo menos, basear uma doutrina sobre a origem das palavras inglesas. São apresentados muitos argumentos relacionados à ideia de que o sábado é o único dia aceitável para adorar a Deus. Neste livro a maioria desses argumentos são examinados à luz da evidência bíblica e histórica. Ficará claro para o leitor, que para muitos, essa questão se tornou uma distração para sua vida espiritual. Este livro também revela a incrível ênfase que o Novo Testamento dá ao primeiro dia da semana (domingo), e o que é dito ou não foi dito sobre o sábado (sétimo dia). O que o Novo Testamento declara sobre este assunto surpreenderá a muitos leitores e dará liberdade a muitos corações sinceros.

PARA OBTER ESTE LIVRO ENTRE EM CONTATO CONOSCO

Capa2_Provas Infalíveis.png